LuzazuL

Luzazul (II)

desde o princípio,

quando era o verbo, a matéria

da qual toda palavra se faz,

 

a pá que lavra o dorso do Ser

já dele pode extrair

os sentidos todos

e as razões em si

que aí pudessem haver.

 

pois, desde então, nunca mais

como antes, no reino deste lugar,

se ouviu dizer ou sequer intuir

nome qualquer para essa cor.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[imagem: detalhe de quadro da artista plástica Velci Olga Vieira, 1998]


Comente!