LuzazuL

feliz natal, esquecimento

   depois daqui,

dobrados os sinos,

             cairá um silêncio

              tremendamente incerto

           sobre as lacunas desta hora;

 

demora bem pouco 

e arrebentarão em cinza

                             as asas 

                     da escuridão.

 

      daqui a pouco,

      tudo na calma,

    e uma estupenda melancolia

aparecerá, terrível, ameaçadora,

           como um pelotão de tratores

          trotando sobre os escombros

           da velha tarde derrubada.

 

 mas ainda desta vez, no entanto,

  será apenas o manto do crepúsculo

que se debruça sobre a cidade,

 num arrepio elétrico, rápido,

          e isento de quaisquer significados.

 

 

 

 

 


Comente!